7 de jul de 2017

CANSADO


estou cansado
de me sentir
feito robo
cada dia
mais alienado
deixando morrer
tudo o que sou e tudo
o que posso ser
o tempo
cada dia mais
engolindo
minha vitalidade
não tenho óleo
em minhas veias
tenho sangue...

estou cansado
de repetir
mil vezes
as mesmas frases vazias
e servir
de tapete e escada
a escória
cada vez mais viciada
em não fazer nada
almofadinhas
hipócritas
que se regogizam-se
pela soberba
falsa
não são nada
nem diferentes
de mim
estou cansado
de servir
a uma causa que não é minha
e ver cada vez
mais os meus sonhos
mortos
em mim...