6 de jun de 2017

PROSTRADA ALI

estávamos
nós dois
ambos
com suas dores
e suas desilusões

ela
cabeça sobre
a mesa, chorava

eu
na outra mesa
olhava
sua dor

jamais
iria interromper
seu sofrimento
jamais
me colocaria
em vão em seu destino

eu estava ali
para beber
e esquecer

ela
para matar a dor
que a matava

jamais
iria
interromper
seu sofrimento

ela com a sua dor
e eu com a minha