20 de mai de 2017

CONDENADO

sigo
condenado
a viver teu amor

sigo
acorrentado
neste teu sentir
que sempre
me fez existir

sou mais
teu
do que meu

sigo
teus passos
para que não mais
me perca
em qualquer caminho
em qualquer
pecado