20 de jan de 2017

QUE EU MORRA DE AMOR

que eu
morra de amor

que amor
me dilacere

que o amor
seja minha de morte

que o amor
me consuma

que acabe
com minhas visceras

acabe
com quem sou

coma meu cérebro
e meus instintos
meus medos
e minhas angustias

que o amor
faça de mim
sua capa
o seu sepúlcro

que o amor
me rasgue as roupas
que me faça nú

que o amor
me condene
e faça de mim
seu escravo