21 de dez de 2016

DESEJOS



Desejo acontece...
Como o vento... Como o pensamento...
Como poesia...
Desejo morre
se você não alimenta
não rega, não cuida, esquece...
Desejo
não é crime
crime é não sentir
e se prender a tudo aquilo
que não pode ser...
Alimento
meus desejos
como alimento minha vida
estamos ali
lado a lado
vivendo
a mesma história
eu e meus desejos...