3 de nov de 2016

SONIA EDERMAN

essas
sensações
que agora
tomam
conta de mim

não tento
fugir
deixo
que tudo
me consuma
deixo
que a poesia
fale por mim
já não tenho voz
tenho apenas
palavras
escritas
e o gosto gostoso
de simplesmente
gostar
deixo-me ir
para que tudo
se eternize
para que um pouco de você
fique em mim