19 de nov de 2016

RAFINHA SANTOS

fiquei
parado
ali olhando
a vida
queria
decifrá-la
em seus tantos
momentos
esse carrossel gigante
seus altos
e baixos
fiquei
parado
ali desenhando
a vida
é um morro
sem guarida
só subida
rua sem asfalto
cheia de beleza
cheia de cascalho
é para poucos
quase ninguém
vislumbra a paisagem
fiquei
ali
parado
olhando
a vida