1 de nov de 2016

MICHELA SANTOS

agora
sigo
entre
teus rascunhos
entre
pensamentos
entre
ti
e o silêncio

agora
me aquieto
da imensidão
do sentir
deixo
escondido
neste meu labirinto
tudo o que quero
dizer
e não digo
tudo o que penso
e que foge de mim
agora
deixo
que se refaça
devagar
que tudo vá devagar
se desfazendo
até que sobrem
apenas versos soltos
em mim
em ti