1 de nov de 2016

MAJÚ BRAGA

trilhamos
o mesmo
caminho
as palavras
no guiam
o amor
corre nas veias
a paixão
é nosso norte
às vezes,
calamos o grito
às vezes gritamos
em silêncio
e o papel
é cúmplice
dos árduos sentimentos
poetas
desvairados
espalhando
o amor
ainda que o amor
nos dilacere