18 de nov de 2016

JOSLY LUANA

se a vida
me levasse
eu ia
sem resistir

iríamos
abraçados
ou fazendo
amor
nestas nossas madrugadas
de insanidade
se a vida
me levasse
eu iria
sorrindo
ainda
que ela
me deixasse
depois
jogado numa esquina
se a vida
me chamar
eu vou
sem pressa
sem medo
entregue
o que a vida
quer de mim
eu quero o mesmo da vida