8 de nov de 2016

ISABEL MORENO


não sou
mais
o mesmo
na verdade
nunca sei
quem fui
às vezes
pensava
que eu era um e
era outro
nunca fui
um
já fui dois
e amei por três
não sou
mais
o mesmo
de ontem
e amanhã então
tão incerto
como eu
não saberá
como eu
quem fui
e quem serei