11 de nov de 2016

ELZA NUNES

pense
numa mulher
bonita
de alma leve
de alma nobre
sempre centrada
nunca vi
nenhum disparate
pense
num doce encanto
numa poesia
que nasceu escita
pense
nas loucuras
dos poetas
tentando
na loucura
descrevê-la
ainda
que distante
vislumbro o doce
prazer de ser teu amigo
de anos
pense
nunca será o suficiente
para descrevê-la