15 de nov de 2016

CRISTINA MOREIRA

você
jamais
passará
sem que o mundo
pare

você
jamais
passará
sem que as flores
se curvem
em reverência
você
jamais
perderá
o brilho
em meio a outras
estrelas
você
já é por si só
poema
escrever você
e querer
ir além
das palavras
onde poucos
poetas chegaram
onde poucos
loucos
se atreveram ir