11 de nov de 2016

CARMEN LÚCIA

os anos
passaram
e ficaram
e deixaram
tudo de nós
espalhados
não sei
porque
ou talvez
saiba
e ainda assim
negue
essa é a tendência
dos fracos
os anos
passaram
e a dor
de todas as cicatrizes
ainda doem
não há cura
pior
é que nos acostumamos
a sentir
a dor
ela nos faz lembrar
que estamos vivos
e nos remete aos nossos próprios
abismos
estamos
eu sei
em busca da mesma luz
e queremos
eu sei
a mesma paz
de dias iguais
que o mundo
um dia
enfim
não sentiremos mais
a dor de sós