25 de nov de 2016

ARDILOSA FOGUEIRA

acendi a fogueira da poesia...
os deuses dançam ao redor dela.

dedilho sentimentos
e sentidos

não me preocupa
a exatidão dos versos

se há erros
acertos
ou vice-versa

acendi a fogueira da poesia...

vou deixar
queimar até o fim do dia
até que os deuses
se cansem de dançar...