11 de nov de 2016

ANA NASCIMENTO


conversamos
muito
trocamos
músicas
pensamentos
já jogamos
conversas fora
já deixamos
de nos falar
e sempre
estivemos
aqui neste mundão
de possibilidades
houve
sem o respeito
e o carinho
admiração
e tato
cada um no seu limite
cada um envolto com suas verdades
e sempre
ali
como se caminhássemos de mãos dadas
há tanto tempo
há tantos anos
ali
vivendo no barulho
do nosso silêncio