9 de nov de 2016

ADRIANA LEAL

tantos
caminhos
tantas
estradas
tantas
paisagens
belezas raras

olhares
que ninguém vê
vida
que ninguém conhece
tanta
gente por ai
se esbarrando
com pressa
olhos vidrados
no nada
tanta
oportunidade
perdida
tantas vozes
caladas
tantas poesias
não escritas
olhamos
tudo
não enxergamos nada