10 de nov de 2016

ADRIANA DRICA

hoje
acordei
com pressa
parecia
que o mundo
ia desmoronar
eu precisava sentir
eu precisava escrever
antes
que o tempo acabasse
antes
que o fim se fosse
antes
que minha morte chegasse
eu morro
todos os dias
desde que nasci
e hoje
acordei
com pressa
pressa de poesia
pressa de amor
pressa de amar
todo tempo
é pouco tempo
as horas voam
relógio não para
nunca para
hoje
é muito para
para tudo o que sinto