8 de nov de 2016

ADRIANA AGUILAR

o tempo
ontem passou
deixou
vestígios

o tempo
hoje
corre apressado
com medo
que o tempo
amanhã
não chegue
ficamos
entre eles
atônitos
sem saber
para onde correr
as flores
nascem
e morrer rápido demais
o vento
sopra apressado
o amor vem
e vai
assim
sem deixar no coração
qualquer saudades
o tempo
corre do próprio tempo
e a vida
fica a Deus dará