10 de nov de 2016

ADRIANA AGUIAR

tantas
flores
tantos
ventos
que às vezes
fico
perdido
em meio a tudo
o que sinto
há um desejo
latente
de gritar
de deixar
uma marca
boa no mundo
tantas pessoas
tantas faces
algumas de beleza explicita
outras de belezas raras
às vezes
me silencio
e só observo
este vai e vem
de ilusões
parte de mim
é o que sinto
e o resto
só desejos