24 de out de 2016

TODOS OS DIAS

todos
os dias
em mim
morrem
flores
e sorrisos
e vidas

todos
os dias
em mim
morrem
sonhos
desejos
e vidas

todos
os dias
morre
em mim
um pouco
de tantas vidas
e sobram papéis
em branco
e sobram cada vez mais
poesias