22 de out de 2016

CHOREI

eu chorei
chorei
até cair

eu chorei
de dor
de desamor
de desalento

chorei
de raiva
chorei
de mágoa

e nunca de alegria

chorei
porque me perdi
porque fugi
porque desisti

eu chorei
no meio da multidão
e ninguém viu
como
eu
ali
todos choravam
em silêncio

por desamor
por desalento
por estarem todos
em meios as tantas
multidões