1 de out de 2015

ADRIANA AGUILAR

sempre
vejo
ali
teu sorriso
largo
aberto
franco
cheio de ternura
e encanto
deixo
tudo
o que há
de bom em ti
gravado
nesta
retina
cansada de tanta
mesmice
tua beleza
de rosa
me cativa
sempre
vejo ali
teu sorriso
tua alegria
e nela viajo
e nela me inspiro
e sobrevivo