"Se procura prazer, poderá encontrar aqui as suas mais diversas formas. Há quem procure palavras, há quem procure belas imagens, há os curiosos, os que admiram minha maneira de escrever. Uns julgam erótico. Outros julgam ser sensual e uns apenas lêem as palavras aqui escritas. Isso é algo que não cabe a mim julgar. Sei das minhas intenções... Sei do meu amor pela poesia... Sei da minha infinita sede de escrever..."
SEJA BEM VINDO - 9 ANOS DE POESIA! ! !

FÃS DE CARTEIRINHA

29 de ago de 2015

VEM POESIA


às vezes
espero
de manhã
a poesia
ventar
sobre mim

deixo
que ela
venha
devagar
e sempre pressa

às vezes
ela vem arredia
sonolenta
cheia
de manhas e preguiças

eu
carinho
tua face
abraço
devagar
e aqueço
teus versos

às vezes
a poesia
vem nua
com seus dengos
e malícia

eu
fico
e deixo
que devagar
ela vente
seus versos
sobre mim