26 de ago de 2015

QUIETO EM MIM

todos
os dias
venço
meus porques
minhas razões
e meus desajustes
todos
os dias
me aquieto
na imensidão
do meu sentir
todos
os
dias
me convenço
a deixar
queito
meu coração
escondo
o sinto
não falo
me calo
me escondo
sou sempre
o reverso
de mim
apenas olho
e me
aquieto
não deixo
que mais nada
me convença
todo meu sentir
deixo
que morra
antes mesmo
de nascer
me acalmo
em mim
me aquieto