7 de ago de 2015

POR AI

dai
saio
por ai
te procurando
sem saber
teu nome
sem saber
teu canto
sem saber
se um dia
te encontro

dai
olho
os todos
os rostos
que passam
por mim
procuro-te
na multidão
e eu
não sei
teu nome
e eu
nem sei
se tu
existes
além de mim

dai
me perco
por estas ruas
imundas
e paro
e olho
para as estrelas
do céu
e lá
nas estrelas do meu céu
te acho