21 de ago de 2015

ESCREVO

eu
escrevo
escrevo
escrevo
escrevo
e deixo
que tudo
aquilo
que eu escrevo
se torne
verdade em mim
o amor
a solidão
que me alimenta
o encanto
daquelas
que me seduzem
eu
escrevo
escrevo
escrevo
minhas noites
sem insônia
a paixão
que não queima
o encontro
que não acontece
eu
escrevo
as mentiras
que ouço
e espero
que um dia
tudo aquilo
que escrevo
e escrevo
e escrevo
e escrevo
façam
de verdade
parte de mim...