"Se procura prazer, poderá encontrar aqui as suas mais diversas formas. Há quem procure palavras, há quem procure belas imagens, há os curiosos, os que admiram minha maneira de escrever. Uns julgam erótico. Outros julgam ser sensual e uns apenas lêem as palavras aqui escritas. Isso é algo que não cabe a mim julgar. Sei das minhas intenções... Sei do meu amor pela poesia... Sei da minha infinita sede de escrever..."
SEJA BEM VINDO - 9 ANOS DE POESIA! ! !

FÃS DE CARTEIRINHA

5 de ago de 2015

OLHO-TE

olho-te
nos olhos
olho-te
o corpo
as pintas
tuas curvas
desenho-te
no papel
eternizo-te
nas palavras
na memória
olho-te
como inspiração
sinto-te
pulsar
em minhas mãos
sinto-te
derreter
e evaporar
olho-te
quando nasce
o dia
quando
a tarde cai
olho-te
a face
tuas laterias
teu corpo nu
olho-te
poesia
arredia
olho-te
na imensidão
deste teu céu
teus passos
sem direção
sinto-te
fluir
desaguar
tuas águas
para sempre
neste meu rio
olho-te
pintura
no quadro
desta minha retina
cega de beleza