26 de ago de 2015

IGUAL A TODOS


não
sou
diferente
de ninguém
gosto
do que
é belo
gosto
daquilo
que de alguma
forma
me de prazer
gosto
da beleza
dos sorrisos
sinceros
dos braços
abertos
do bem querer
sem amarras
sem algemas
apenas
bem querer
não sou
diferente
de ninguém
gosto
do gostar
de verdade
do gostar sincero
gosto do prazer
venha ele não forma
que vier
gosto
das poesias
das canções
das beldades
que desfilam por ai
não sou
diferente
de ninguém
gosto da beleza
venha ela
não forma que vier