"Se procura prazer, poderá encontrar aqui as suas mais diversas formas. Há quem procure palavras, há quem procure belas imagens, há os curiosos, os que admiram minha maneira de escrever. Uns julgam erótico. Outros julgam ser sensual e uns apenas lêem as palavras aqui escritas. Isso é algo que não cabe a mim julgar. Sei das minhas intenções... Sei do meu amor pela poesia... Sei da minha infinita sede de escrever..."
SEJA BEM VINDO - 9 ANOS DE POESIA! ! !

FÃS DE CARTEIRINHA

1 de fev de 2015

MARGINAL




Eu sou marginal
Discordo de tudo o que vejo
De tudo o que leio
De tudo o que sinto
Discordo
Da vida
Das utopias
Eu sou marginal
Ando por ai
Escorado
Em sonhos
Ando por ai
Querendo viver
Amores
E amores
São lixos podres
Jogados
Nos aterros
Sou marginal
Incompreensível
Armado
De más intenções
E uma caneta
Sou feito das minhas sombras
E de todos meus escopos
Nada me seduz
Nada mais me engana