"Se procura prazer, poderá encontrar aqui as suas mais diversas formas. Há quem procure palavras, há quem procure belas imagens, há os curiosos, os que admiram minha maneira de escrever. Uns julgam erótico. Outros julgam ser sensual e uns apenas lêem as palavras aqui escritas. Isso é algo que não cabe a mim julgar. Sei das minhas intenções... Sei do meu amor pela poesia... Sei da minha infinita sede de escrever..."
SEJA BEM VINDO - 9 ANOS DE POESIA! ! !

FÃS DE CARTEIRINHA

16 de jan de 2015

VEM MORTE



Vem morte
Leva-me daqui
Tira de mim este peso
Esta minha inércia
Este meu fardo
Vem morte
Veste-me o corpo
Com tuas asas
Liberta-me destas minhas confusões
Tão desnecessárias
Vem morte
Como um anjo e me guia
Pelas tuas estradas
Tão cheias das raras belezas
Que imagino
Meus caminhos já estão perdidos
Nem uma dor e doi mais
Nenhum amor mais me condena
Vem morte
Acalma este meu peito
Devolve-me
A paz
Arranca estas farpas
Estes espinhos
Dê tuas asas
Faz-me voar pela imensidão
Dos teus vales sombrios