3 de jan de 2015

VEM ME AMAR

vem
vem amar
vem amar meu corpo
vem amar
nos dias
de tua solidão
nas noites
do teu desespero
vem
sem pressa
vem quando der
quando quiser
meu amor
te pertence
meu corpo
sempre te chama
é chama
vem
vem no meu silêncio
nas minhas madrugadas
vem
quando não espero
vem que
sempre te quero
em mim
em nós
vem
abre a porta
abre as janelas
deixa
o tempo entrar
deixa tua saudade
teu amor
vem
vem me amar