"Se procura prazer, poderá encontrar aqui as suas mais diversas formas. Há quem procure palavras, há quem procure belas imagens, há os curiosos, os que admiram minha maneira de escrever. Uns julgam erótico. Outros julgam ser sensual e uns apenas lêem as palavras aqui escritas. Isso é algo que não cabe a mim julgar. Sei das minhas intenções... Sei do meu amor pela poesia... Sei da minha infinita sede de escrever..."
SEJA BEM VINDO - 9 ANOS DE POESIA! ! !

FÃS DE CARTEIRINHA

27 de jan de 2015

VELHO MALDITO




Lia Bandeira
Na minha infância
Lia Drummond
Quando ardia
Em mim
Todas as paixões
Descabidas
Lia
Um pouco
De tudo
E mal
Me entendia
Não me sentia
Parte de nada
Depois
Chegou
Em mim
A solidão
E fez em mim morada
Lia então
O velho maldito
Bukowski
E teus verbos
Acalmaram
Meus ventos tantos sem direção
Revivi meus versos
E renasci das tuas cinzas