30 de jan de 2015

QUERER SEM CULPA




O que quero
É querer
Sem culpa
Sem tantas
Desculpas
O que quero
Agora
É a minha paz
Enterrar
De vez
Minha amargura
O que quero
São flores
Azuis
Para o meu quarto
Azul
Quero
Apagar
As histórias
Que escrevi
O que quero
São minhas fênix
Cruzando
Este meu oceano
O que quero
De vez
São nuvens brandas