14 de jan de 2015

EM NOSSOS SONHOS

vamos
nos encontrar
sem pretensões
sentar
e conversar
falar da vida
de cada um de nós
beber
alguns goles
de poesia
falar
à toa
de nada
vamos
ficar ali
olhando
a vida
vamos
nos ver
por ai
andar calados
deixando
que o vento
socorra
nosso
silêncio
vamos deixar
que as horas
fiquem paradas
no relógio
e que fora
de nós
nada mais importe
vamos nos ver
nos encontrar
em nossos sonhos
para que assim
possamos acordar
e não nos perder