14 de jan de 2015

COMO POSSO

como
posso
fingir
em mim
que você
não existe
como
posso
fazer de conta
que você é sonho
é miragem
pesadelo
como
posso
fugir
de você
se te acho
me cercando
me chamando
me querendo
como
posso resistir
àquilo
que quero
já não sei mais
não querer
como
posso
deixar pra lá
se o amanhã
ainda não chegou
como
posso
fugir
de você
se também
te quero viver