25 de jan de 2015

CACHAÇA




Os bares
Sempre
Cheios
E eu queria
Saber
A graça
De tomar
Um gole
De cachaça
Queria
Sentir
O que sentiam
Os bêbados
Desesperados
Queria
Saber
Se a cachaça
Faria evaporar
Minhas ilusões
Queria
Ser mais um
Sentado
Próximo aos balcões
Empoeirados
Embriagados
Queria me perder
Para ver se me achava