"Se procura prazer, poderá encontrar aqui as suas mais diversas formas. Há quem procure palavras, há quem procure belas imagens, há os curiosos, os que admiram minha maneira de escrever. Uns julgam erótico. Outros julgam ser sensual e uns apenas lêem as palavras aqui escritas. Isso é algo que não cabe a mim julgar. Sei das minhas intenções... Sei do meu amor pela poesia... Sei da minha infinita sede de escrever..."
SEJA BEM VINDO - 9 ANOS DE POESIA! ! !

FÃS DE CARTEIRINHA

31 de jan de 2015

AFLIÇÕES




Parece
Que sou
Muitas vezes
Cavalo xucro
Que não gosta
De rédeas
Nem de arreios
Muito menos de
Esporas
Parece
Que às vezes
Viro
Minha própria
Tempestade
E me sinto
Mal
Por arrastar
Tudo comigo
Minha casa
Meu abrigo
Sinto-me
Panela de pressão
Confuso
Aflito
Dentro de um turbilhão
De mim
Muitas vezes