18 de nov de 2014

SEM MIM

estou
sem mim
sou apenas sombra
do que fui
estou vazio
com o corpo dolorido
estou estirado
na cama
de uma consciência
suja
e pesada
estou
a beira
de um colapso
me sentindo
sujo
me sentindo
vazio
me sentindo
a deriva
de todos os meus sonhos
e desejos
já não sonho mais
sou apenas
sombra do que fui
estou sem mim
sem sonhos
sem vida
cheio de tudo
e vazio
vazio de tudo o que não mais
me sustenta