24 de out de 2014

DE COR

conheço
todos os meus medos
todos os meus demônios
conheço
meus pecados
e minhas fraquezas
meus caminhos
minhas voltas
reviravoltas
meus arco-íris
conheço
quem me anda
quem me segue
conheço
minhas pedras
minhas falhas
meus erros
minha intolerância
conheço
cada marca
do meu rosto
cada dor
que senti
e porque
senti tanta dor
conheço-me de cor
de cor
preto e branco
jamais
colorido