8 de ago de 2014

SONHOS ESCASSOS

cada vez
tenho sonhado menos
tenho vivido
mais com os pés
no chão
cortaram
minhas asas
não me deixam
mais voar
cada vez
mais os sonhos
estão escassos
cada vez
mais
sei que vou vivendo
menos
amando menos
e cada vez
mais tenho
as incertezas do amanhã
não tenho
mais as velhas ambições
nem mais
a velha fibra
de correr
o mundo
com minhas ilusões
sempre fui guerreiro
poeta
agora
me vejo sem sonhos
sem vontade de sonhar
a realidade
cegou meus olhos
me prendeu
me deixou sem ar para respirar
sonhos perdidos
sonhos escassos