19 de jul de 2014

TEU PECADO

quero
sentir
teu pecado
teu gosto
de ousadia
quero
tua melodia
tua voz
me chamando
pra tua cama
quero tua chama
queimando
meu corpo
inteiro
quero
teu gosto
teu tempero
quero
tua maledicência
tuas vergonhas
jogadas
entre nossas roupas
quero
teu pudor
sem vergonha
teu mel
tua saliva
teu pecado
numa cama
de tantos desejos
quero
me sentir
único
nos teus contos
e fantasias
quero teu arranhões
e tuas feridas
teus sonhos
teus pesadelos
quero
sentir
te provocar
e rasgar como papel
teu pecado