9 de abr de 2014

PENSO EM VOCÊ



Penso em você e nem mesmo eu sei o porquê.
Talvez porque de alguma maneira você me faça bem,
me agrade os olhos, me alegre o dia,
me faça ver a vida de uma maneira diferente.
Penso em você porque talvez veja você de uma maneira diferente.
Talvez porque haja em você detalhes que admiro.
Penso em você porque sou feito de emoções e sensações e sentimentos diferentes.
Penso em você porque o abraço cala minha alma,
alivia minhas dores e me faz por segundos esquecer tudo,
como se existisse apenas eu e você.
Penso em você porque sou feito de pensamentos,
de poesias, loucuras,
êxtases e milhões de desejos incandescentes.
Penso em você.
Porque minha alma é cheia de exageros.
Porque crio fantasias, expectativas e viaje num sonho que é só meu.
Penso em você sempre que há em mim momentos de ternura.
Talvez eu pense em você apenas pelo prazer de pensar e crie uma necessidade que não existe.
Talvez eu pense em você porque quero pensar. Porque meu pensar ainda é livre.
Mas pode deixar,
prometo que todas as vezes que meu pensamento me trair,
saio correndo por ai,
procurando alguém me desvie o pensamento
e assim crie o triste hábito de não mais pensar em você.