21 de nov de 2013

VAI EMBORA

Vai embora
Vai embora tristeza
Vai embora toda lembrança
Vai embora todo gosto amargo
Vai embora
Todos os janeiros
Os outonos
Vai embora
Qualquer saudade
Vai embora
De mala e cuia
E roupas
Chinelos
Copos e talheres
Leva os retratos
E todas as poesias
Vai embora
E leva todos os livros
Que não leu
E leia
Vai embora
E não volte mais