6 de nov de 2013

TUDO MORRE

Tudo
O que é bom
Morre
Teu amor
Ficou
Vivo
Tua paz
Verdades
O brilho dos olhos
O mel da boca
Tudo
O que é bom
É eterno
Mesmo
Depois do fim
Amor
De verdade
Não morre
O teu ficou vivo
Enquanto
Devagar
Eu morria
Eu não era bom