"Se procura prazer, poderá encontrar aqui as suas mais diversas formas. Há quem procure palavras, há quem procure belas imagens, há os curiosos, os que admiram minha maneira de escrever. Uns julgam erótico. Outros julgam ser sensual e uns apenas lêem as palavras aqui escritas. Isso é algo que não cabe a mim julgar. Sei das minhas intenções... Sei do meu amor pela poesia... Sei da minha infinita sede de escrever..."
SEJA BEM VINDO - 9 ANOS DE POESIA! ! !

FÃS DE CARTEIRINHA

12 de nov de 2013

INFÂNCIAS PERDIDAS


Não dá mais
Para brincar
Nas ruas
As infâncias
Estão perdidas
Não há mais pipas
No céu
Nem piões
Nem bonecas
Não há mais
Simplicidade
E sorrisos sem maldades
Não dá mais
Para viver a liberdade
Todos
Tem medo de todos
Não se olham
Nem se falam
Estranhos
Não dá mais para viver
A vida se perdeu
No cano de um revólver
Crianças
Rosas despedaçadas
Pétalas caídas