6 de nov de 2013

MEDO

Agora
Tenho medo
De tudo
Não creio mais em sorrisos
Em olhares
Em palavras
Agora
Quero ficar
Torna-me invisível
Seguir calado
Meu caminho
Não quero mais pensar
No que passou
Agora tenho medo
De sorrisos vazios
Quero
Ficar na minha
Gaiola
Apenas vivendo a vida
Que me resta
Sem sustos
Sem novas e errôneas
Surpresas