12 de nov de 2013

MATE-ME



Mate-me
Essa vontade
De voar
Pelo mundo
Que é meu
Mate-me
Essas nuvens
Que encobrem meu sol
Mate-me
Caneta sem tinta
Poesia
Sem papel
Mate-me
Não te ver sorrir
Não ter em paz
Mate-me inconstâncias
Inverdades
Injustiças
Mata-me
Morrer antes
De ver tudo
Melhor que antes
Mate-me
Covardia
Escondida