27 de out de 2013

DE MIM


Vou te
Poupar de mim
De tudo o que sou
Dos meus sonhos
Das minhas loucuras
Vou te
Deixar onde está
Sou um
Erro que você
Não precisa cometer
Sou um
Castigo que você
Não merece
Já carrego
Culpas demais
Em minha
Mochila