27 de out de 2013

NÃO MAIS

Não vou mais
Me machucar
Nem machucar
Mais ninguém
Vou ficar onde estou
Não vou mais
Falar de sentimentos
Não vou mais
Ficar sozinho
Vou ficar
Comigo
No silêncio
Que me cerca
Com o sol que ainda
Me aquece
Não vou atropelar
Vou acalmar
Meus ímpetos
Não violar os lacres
Da razão
Não tenho mais coração
Não tenho nada
Não vou mais